segunda-feira, março 2

Chegada atrasada ao estádio


1 comentários
APARATO POLICIAL ACOMPANHA CLAQUE DO FARENSE


A claque do Farense, os "South Side Boys", deu entrada no Estádio Municipal de Portimão, para assistir ao dérbi entre Portimonense e Farense, já com o jogo a decorrer e envolta em fortes medidas de segurança.

O autocarro com a claque foi acompanhado por cinco viaturas da PSP, com o total de adeptos a ser semelhante ao número de agentes do Corpo de Intervenção (aproximadamente 50).

No lado oposto, regista-se o regresso à atividade da claque "Marafados", do Portimonense, em união de esforços com outra claque, os "Bianconero", num jogo que foi acompanhado por cerca de dois mil adeptos.

http://www.record.xl.pt

Mailó foi o salvador!


1 comentários

Portimonense 1-1 Farense



Portimonense e Farense empataram este domingo a um golo, em Portimão, em encontro da 31.ª jornada da 2.ª Liga, com a equipa de Faro a evitar nos minutos finais a derrota no dérbi algarvio. Zambujo, com um golo a fechar a primeira parte, aos 41 minutos, colocou o Portimonense na frente do marcador, e Mailo, aos 88, apontou o tento que deu o empate ao Farense.

Num dérbi equilibrado, ambos os conjuntos repartiram o domínio do jogo, mas foi o Portimonense a mostrar maior atrevimento ofensivo ao longo de toda a partida. A formação da casa colocou-se em vantagem antes do intervalo, num trabalho individual de Zambujo, depois de três ocasiões desperdiçadas, por Dieguinho (27' e 30 minutos) e Maurício (33').

No segundo tempo, o Farense entrou com outra determinação ofensiva, mas foi a formação de Carlos Azenha quem mais perto esteve do golo: Zambujo e Dieguinho viram os seus remates travados pelo guarda-redes Bento. A troca de Carvalho por Mailo deu maior frescura à formação de Faro e foi mesmo o jogador que saiu do banco a empatar o jogo, ao aproveitar um deslize dos centrais do Portimonense e apontar, a dois minutos do final, o tento que evitou a derrota da formação de Abel Xavier.

Jogo no Estádio Municipal de Portimão.

Portimonense-Farense, 1-1.

Ao intervalo: 1-0.

Marcadores: 1-0, Zambujo, 41 minutos. 1-1, Mailó, 88'.

Equipas:

Portimonense: Ricardo Ferreira, Ricardo Pessoa, Ivo Nicolau, Maurício, Mamadu, Ewerton, Dieguinho (Gleison, 69'), Fernandinho, João Paulo (Fabrício, 60'), Zambujo e Fidélis (Pires, 77').

Suplentes: Carlos Henriques, Fabrício, Ryuki, Pires, Paraíba, Lazaroni e Gleison).

Treinador: Carlos Azenha.

Farense: Bento, Ventosa, Kiki, Tim, Califo, Carvalho (Mailo, 60'), Carlos, Gualter Bilro (Neca, 56'), Hugo Luz (Alan Khabalov, 29'), Edinho e Irobiso.

Suplentes: Ricardo, Gonzalez, Rui Duarte, Mailo, Alan Khabalov, Yang e Neca.

Treinador: Abel Xavier.

Árbitro: Rui Costa (Porto).

Ação disciplinar: Cartão amarelo para João Paulo (45'), Dieguinho (58'), Maurício (63'), Ricardo Ferreira (82') e Gleison (90').

Fonte: http://record.xl.pt

Assistência: Cerca de 1.500 espectadores.

quarta-feira, fevereiro 25

Neca decide no último lance do desafio


1 comentários
Farense 1-0 Beira-Mar

NECA MARCOU NO ÚLTIMO LANCE DO JOGO



Um livre direto de Neca, no último lance do jogo entre Farense e Beira-Mar, da 30.ª jornada da 2.ª Liga, deu esta quarta-feira aos algarvios o segundo triunfo consecutivo caseiro, por 1-0.

O médio português, que tinha saído do banco como aposta do técnico Abel Xavier para a última meia hora, acabou por desbloquear, ao quarto minuto de descontos, uma igualdade que assentaria melhor a uma partida equilibrada.

Depois de 30 minutos iniciais muito pobres, com as duas equipas sem ideias e a apostarem apenas no pontapé longo, o jogo só aqueceu no último quarto de hora da primeira metade, fruto de iniciativas individuais. Bruno Carvalho (36 minutos) e Nadson (41') somaram dois remates perigosos ao lado, mas a melhor oportunidade pertenceu ao Farense, com um cabeceamento de Mailó ao poste, após cruzamento de Hugo Ventosa, em cima do intervalo.

O Beira-Mar reentrou com mais dinâmica na segunda parte e dispôs de duas boas oportunidades para chegar ao golo, mas Juliano (53 minutos) e Paulinho (67') desperdiçaram, atirando ao lado. A partida manteve-se equilibrada até ao apito final, mas o ritmo voltou a decair e nem as substituições ajudaram a melhorar o rendimento dos dois conjuntos, que se limitavam a aguardar pelo esperado empate nos minutos finais.

Contudo, ao quarto minuto de descontos, Neca assumiu a marcação de um livre direto, em posição frontal, e executou de forma primorosa, deixando Rui Rêgo pregado ao relvado e dando o triunfo à sua equipa, com o árbitro a apitar imediatamente depois para o fim da partida.

Jogo no Estádio de São Luís, em Faro.

Farense - Beira-Mar, 1-0.

Ao intervalo: 0-0.

Marcador:

1-0, Neca, 90+4 minutos.

Equipas:

- Farense: São Bento, Hugo Ventosa, Kiki Ballack, Lameirão, Hugo Luz, Rui Duarte (Irobiso, 69'), Bilro, Harramiz, Edinho Júnior (Neca, 58'), Bruno Carvalho e Mailó (Yang Tan, 81).

Suplentes: Ricardo, Alan Khabalov, Yang Tan, Neca, Karamatic, Irobiso e Califo.

Treinador: Abel Xavier.

- Beira-Mar: Rui Rêgo, Pedro Moreira, Alan Henrique, Fábio Santos, Vítor Vinha, Assis (Paulinho, 25'), Anderson Mattos, Kingsley, Edivândio, Juliano (Chaparro, 65') e Nadson (Edema, 72').

Suplentes: Márcio, Edema, Edu, André Nogueira, Chaparro, Paulinho e Piffero.

Treinador: Paulo Alves.

Árbitro: Manuel Oliveira (Porto).

Ação disciplinar: Cartão amarelo para Lameirão (38'), Harramiz (80') e Alan Henrique (89').

Assistência: Cerca de 400 espectadores.

Fonte: http://www.record.xl.pt

domingo, fevereiro 22

Farense permite reviravolta na 2ª Parte


1 comentários
Porto B 2-1 Farense

Dois golos de Gonçalo Paciência na segunda parte deram este domingo ao FC Porto B um triunfo caseiro, por 2-1, diante do Farense, em jogo da 29.ª jornada da 2.ª Liga.

O Farense entrou bem e aproveitou alguma passividade inicial do conjunto portista, tendo Carvalho obrigado Gudiño a uma boa defesa para canto logo aos 6 minutos. Três minutos depois, a equipa algarvia marcou, Ventosa fugiu pelo corredor direito do seu ataque, cruzou e Irobiso antecipou-se à defesa e ao guardião portista e, com um desvio subtil, fez o 1-0.

O golo espicaçou o FC Porto e o Farense teve de recuar para o seu meio campo, para melhor fazer frente à forte reação portista e proteger a sua baliza. Apesar disso, os dragões criaram algumas situações de grande perigo e até de golo. Aos 13 minutos, Fréderic isolou-se, entrou na área adversária e rematou, mas Bento saiu bem e ofereceu o corpo à bola, evitando assim o empate.

A pressão portista intensificou-se gradualmente e os algarvios raramente conseguiram sair do seu meio terreno.Com um remate de meia-distância, André Silva acertou na barra da baliza de Bento, com este batido (22).

O golo portista pareceu inevitável ainda antes do intervalo, mas chegou só na segunda parte. A entrada de Ruben Macedo para o lugar do desinspirado Pité e a vivacidade de Fréderic fizeram grande mossa na defesa algarvia e anunciaram o empate, que chegou aos 59 minutos. Ruben Macedo cruzou, Fréderic rematou e Bento defendeu, mas a bola ficou à mercê de Gonçalo Paciência e este fez um golo fácil, que o FC Porto justificou devido à melhoria sensível da sua produção atacante depois do intervalo.

O 2-1 chegou sete minutos depois. Fréderic arrancou um grande cruzamento da direita e Gonçalo Paciência correspondeu com um belo cabeceamento, fazendo o segundo golo do FC Porto. É verdade quer o Farense esboçou uma reação, mas nessa altura os portistas tinham o jogo controlado e Gudiño teve muito pouco trabalho, ao contrário de Bento. Foi uma vitória justa do FC Porto B, que começou mal e fez uma segunda parte autoritária ante um Farense que durou pouco e quase não atacou na segunda parte.

Estádio Luís Filipe Menezes, em Vila Nova de Gaia.

FC Porto B-Farense, 2-1.

Ao intervalo: 0-1.

Marcadores: 0-1, Irobiso, 09 minutos. 1-1, Gonçalo Paciência, 59. 2-1, Gonçalo Paciência, 66.

Equipas:

FC Porto: Gudiño, Victor Garcia, Diego Carlos, Zé António, Rafa, Leandro Silva, Pité (Ruben Macedo, 46), Pavlovski (Graça, 90), Frederic, Gonçalo Paciência (Tomás, 78) e André Silva.

Suplentes: Kadú, David Bruno, Graça, Tomás, Roniel, Anderson e Ruben Macedo).

Treinador: Luís Castro.

Farense: Bento, Ventosa, Diogo Silva (Tin, 29), Lameirão, Califo, Harramiz, Carlos, Bilro, Carvalho (Alan, 68), Irobiso (Mailo, 62) e Edinho.

Suplentes: Ricardo, González, Rui Duarte, Mailó, Kiki, Alan e Tin).

Treinador: Abel Xavier.

Árbitro: Paulo Baptista (Portalegre). Ação disciplinar: Cartão amarelo para Pité (33), Califo (49), André Silva (49) e Carlos (86).

Assistência: 478 espetadores.

Fonte:http://www.record.xl.pt

Empate sem golos em jogo fraco


0 comentários
Braga B 0-0 Farense

O Sp. Braga B e o Farense empataram esta quarta-feira a zero, num encontro da 28.ª jornada da 2.ª Liga cujo resultado, justo, traduz a ausência de lances de golo ao longo dos 90 minutos. A formação bracarense, na estreia de Abel Ferreira no comando técnico, somou o sétimo jogo consecutivo sem vencer e segue nos lugares perigosos, com 26 pontos, ao passo que o Farense está mais tranquilo, com 35.

A primeira parte foi pouco intensa, com os bracarenses a assumirem a iniciativa, mas a circularem a bola com muita lentidão, e os algarvios, seguros na retaguarda, a espreitarem a saída rápida para o ataque. O único lance de algum perigo da primeira metade aconteceu ao minuto 22, quando Agdon, isolado por Saná, falhou o remate à primeira tentativa e, na recarga, já pressionado por dois defesas do Farense, atirou ao lado.

A segunda parte começou com a mesma toada lenta dos primeiros 45 minutos, embora com a inversão dos papéis das equipas: a equipa de Abel Xavier progrediu no terreno e passou a circular a bola mais perto da área contrária, perante uma turma arsenalista mais recuada, a jogar na expetativa.

As jogadas de perigo junto às duas balizas, contudo, continuaram a escassear e nem as alterações operadas pelos dois técnicos conseguiram mudar o rumo da partida, apesar de a equipa da casa, nos minutos finais, ter tentado ameaçar a baliza de Bento.

Jogo no Estádio 1.º de Maio, em Braga.

Sp. Braga B-Farense, 0-0.

Equipas:

Sp. Braga B: Tiago Sá, Oto'o, Gonçalo, Pedro Eira, Núrio, Vukcevic, Saná, Nuno Valente, Erivaldo (Chidi, 59), Agdon (Thales, 70) e Dolly Menga (Carlos Fortes, 84).

Suplentes: José Costa, Thales, José Gomes, Geraldo, Didi, Chidi e Carlos Fortes).

Treinador: Abel Ferreira.

Farense: Bento, Hugo Ventosa, Diogo Silva, Wei Huang, Hugo Luz, Bilro, Carlos Rodrigues, Rui Duarte (Bruno González, 82), Harramiz, Alan (Edinho, 61) e Mailó (Irobiso, 62).

Suplentes: Ricardo, Lameirão, Tin Karamatic, Califo, Bruno González, Edinho e Irobiso).

Treinador: Abel Xavier.

Árbitro: Rui Rodrigues (Lisboa).

Ação disciplinar: Cartão amarelo para Bilro (17), Agdon (28), Mailó (28), Harramiz (41), Hugo Luz (53), Núrio (56) e Nuno Valente (90+1).

Assistência: Cerca de 1.000 espetadores.

quarta-feira, fevereiro 18

Farense reduzido a 10 vence Oriental


1 comentários
Farense 1-0 Oriental


O Farense voltou às vitórias ao vencer na receção ao Oriental por 1-0, em jogo da 27.ª jornada da Segunda Liga, marcando e gerindo a vantagem em situação de inferioridade numérica.

Depois de uma primeira metade marcada pela ineficácia da equipa lisboeta, a qualidade do jogo diminuiu na segunda metade e, já depois de estar a jogar com dez unidades, o Farense marcou o tento e geriu a vantagem com tranquilidade.

Na primeira parte, depois de uns momentos iniciais sem grande ação, o Oriental assumiu o controlo do jogo e dispôs das melhores ocasiões, colocando em evidência a valia do guarda-redes algarvio Bento.

O central Daniel Almeida cabeceou à barra da baliza no primeiro lance de perigo dos lisboetas, aos 18 minutos, antes de o guarda-redes do Farense evitar, com duas boas defesas, duas grandes ocasiões de Ballack (27) e Roncatto (33).

A equipa da casa mostrava um futebol aos repelões e abusava do pontapé longo mas também podia ter chegado ao golo, ainda que Mota tenha sustido os remates de Bruno Carvalho (26) e Mailó (44).

A segunda parte ainda foi pior, em relação ao futebol jogado, e quando Bruno Carvalho foi expulso, por acumulação de amarelos, aos 56 minutos, a situação parecia demasiado negativa para o conjunto de Abel Xavier.

Contudo, seria exatamente o contrário a acontecer: após o golo, numa excelente jogada de Harramiz (62), a equipa da casa tranquilizou-se e, mesmo em inferioridade numérica, soube defender a vantagem, impedindo o Oriental de criar perigo até ao apito final.

O Farense pôs ponto final a uma série de quatro jogos sem vencer e ultrapassou o Oriental na tabela, somando 34 pontos, mais um do que os lisboetas.

Jogo no Estádio de São Luís, em Faro.

Farense-Oriental, 1-0

Ao intervalo: 0-0.

Marcadores:

1-0, Harramiz, 62 minutos.

Equipas:

Farense: Bento, Hugo Ventosa, Diogo Silva, Lameirão, Califo (Hugo Luz, 80), Bruno Carvalho, Bilro, Carlos, Bruno Gonzalez, Yang Tan (Harramiz, 45) e Mailó (Irobiso, 76).

(Suplentes: Ricardo, Hugo Luz, Rui Duarte, Kiki Ballack, Edinho, Irobiso e Harramiz).

Treinador: Abel Xavier.

Oriental: Mota, Tiago Rosa, Hugo Grilo, Daniel Almeida (Yago, 42), João Pedro, Bruno Aguiar, Tiago Mota (Leonel, 74), Henrique, Tom, Ballack (Carlos Saleiro, 46) e Evandro Roncatto.

(Suplentes: Janota, Yago, Pedro Alves, Carlos Saleiro, Valdo, Leonel e Cordoba).

Treinador: João Barbosa.

Árbitro: Tiago Antunes (Coimbra).

Ação disciplinar: Cartão amarelo para Bilro (17), Bruno Carvalho (36 e 56), Yago (59), Lameirão (66) e Carlos Saleiro (90+1). Cartão vermelho por acumulação de amarelos para Bruno Carvalho (56).

Assistência: Cerca de 600 espetadores

Fonte: www.record.xl.pt

domingo, fevereiro 8

Farense conquista um ponto ao cair do pano!


3 comentários
Santa Clara 1-1 Farense

domingo, fevereiro 1

Descalabro!!!


3 comentários
Farense 0-5 União Madeira

O U. Madeira venceu este domingo no terreno do Farense por 5-0, triunfo alcançado com a ajuda da equipa algarvia, que fez dois autogolos e teve uma expulsão na primeira parte do encontro da 25.ª jornada da 2.ª Liga.

O defesa-central Karamatic, que se estreava este domingo como titular, fez um autogolo logo aos 2 minutos, situação que viria a repetir-se com Lameirão, aos 23.

O jogador croata acabaria por ser expulso aos 20 minutos, por acumulação de amarelos, reduzindo a equipa do Farense a dez jogadores, e a desvantagem viria a refletir-se no fraco desempenho da equipa.

Ainda na primeira metade do jogo, o Farense perdeu duas oportunidades marcar: aos 31 minutos, na marcação de um livre indireto, e aos 37 minutos, numa tentativa de Kiki Ballack, mas a bola passou por cima da baliza.

À beira do intervalo (45), Talles marcou o terceiro golo do U. Madeira e deixou o encontro praticamente decidido. No reatamento, a equipa algarvia ainda tentou ripostar (55), mas o guarda-redes Ricardo Campos conseguiu defender o remate de Rui Duarte.

Um cabeceamento de Mendy (64) viria a resultar no quarto golo da equipa visitante, enquanto Rui Duarte, o reforço de inverno do Farense, tentou reduzir, mas esbarrou na defesa madeirense (75). A poucos minutos do final da partida, um remate de Ruben Andrade resultou no 5-0 para o U. Madeira.

Jogo no Estádio de São Luís, em Faro.

Farense-U. Madeira, 0-5.

Ao intervalo: 0-3.

Marcador: 0-1, Karamatic, 02 minutos (própria baliza). 0-2, Lameirão, 23 (própria baliza). 0-3, Talles, 77. 0-4, Mendy, 64. 0-5, Ruben Andrade, 86.

Equipas:

Farense: Ricardo, Carlitos (Harramiz, 46), Lameirão, Karamatic, Hugo Luz, Carlos Rodrigues, Ventosa, Rui Duarte, Bruno Carvalho (Edinho, 68), Irobiso (Kiki, 35), Mailó.

Suplentes: Bento, Diogo Silva, Kiki, Yang, Neca, Edinho, Harramiz). Treinador: Abel Xavier.

U. Madeira: Ricardo Campos, Carlos Manuel, Zabari, Roberto, Stephane, Élio Martins (Ayrton, 67), Wanderson, Rúben Andrade, Talles (Christo, 63), Mendy (Miguel Fidalgo, 70), Kisley.

Suplentes: Rafael Alves, Miguel Fidalgo, Chaby, Chico, Christo, André Vinicius, Ayrton).

Treinador: Vítor Oliveira.

Árbitro: João Capela (Lisboa).

Ação disciplinar: Cartão amarelo para Karamatic (08 e 20), Lameirão (12), Élio Martins (53). Cartão vermelho por acumulação de amarelos para Karamatic (20).


Fonte: www.record.xl.pt

segunda-feira, janeiro 26

Reforços atenuaram o descalabro!


1 comentários
Sporting B 5-3 Farense

O Farense foi derrotado por 5 a 3 pelo Sporting B, este domingo, em Alcochete, num jogo que chegou a estar a perder por 4 a zero. A equipa de Faro ainda salvou a face, ao conseguir acabar a partida com uma desvantagem de “apenas” dois golos, a mesma com que entrou na segunda metade da partida.
O Sporting B marcou os primeiros golos da partida quase de seguida, com Rubio a inaugurar o marcador aos 25 e Sambinha a dilatar a vantagem dos sportinguistas, aos 27 minutos.
Na segunda parte, o Sporting voltou a marcar aos 51 minutos, por Walyson Mallmann e por Chico Geraldes, aos 64 minutos. A perder por quatro, o Farense reagiu e também marcou dois golos de seguida. Mailó e Irobiso marcaram aos 67 e 68 minutos e diminuíram a desvantagem para 4 a 2. Antes do apito final, houve mais um golo para cada lado, o primeiro marcado por Sacko, aos 83 minutos e o segundo por Hernâni, em cima dos 90.
Com esta derrota, aumentam para oito o número de jogos sem vencer fora de portas do Farense. Os algarvios mantém os 30 pontos e descem, pelo menos, à 14ª posição da II Liga, à 24ª jornada.

Fonte: http://www.sulinformacao.pt/

Jogo na Academia em Alcochete

Sporting B-Farense, 5-3

Ao intervalo: 2-0

Marcador: 
1-0, Diego Rubio, 25 minutos
2-0, Sambinha, 27
3-0, Wallyson, 51
4-0, Francisco Geraldes, 64
4-1, Mailo, 67
4-2, Irobiso, 68
5-2, Sacko, 83
5-3, Hernani, 90


- Sporting B: Luís Ribeiro, Riquicho, Nuno Reis, Sambinha, Mica Pinto, Rabia, Wallyson, Francisco Geraldes (Domingos Duarte, 86), Gelson Martins, Daniel Podence (Sacko, 68) e Diego Rubio (Cissé, 82)

Suplentes: Pedro Silva, Sacko, Cristian, Domingos Duarte, King, Cissé e Dramé

Treinador: João de Deus

- Farense: Ricardo, Carlitos, Diogo Silva, Lameirão, Hugo Luz, Carlos (Kiki, 45), Rui Duarte, Edinho (Harramiz, 65), Hernâni, Irobiso e Yang (Mailo, 45)

Suplentes: Bento, Gonzalez, Mailo, Kiki, Ventosa, Karamatic e Harramiz

Treinador: Abel Xavier

Árbitro: João Pinheiro (Braga)

Ação disciplinar: Cartão amarelo para Sacko (81)

Assistência: Cerca de 600 espectadores.
 

Copyright 2009 All Rights Reserved Blog Leões de Faro optimizado para 1280 x 768 px