quarta-feira, Outubro 22

Farense apresenta novo centro de estágio


1 comentários
Equipa que atua na II Liga vai contar com novas instalações, tendo como objetivo subir e manter-se no principal campeonato português
O Farense vai apresentar esta quarta-feira, em conferencia de imprensa agendada para as 19h00, no sala de imprensa do São Luís, a construção de um centro de estagio.

"O Sporting Clube Farense procura a curto prazo criar as condições necessárias para subir e estabilizar-se no principal escalão do futebol português, para isso entende ser necessário investir nas suas infra estruturas e património do clube. Criando com isso as condições necessárias para os atletas e restantes intervenientes alcançarem esse objectivo", pode-se ler no nota enviada à comunicação social.

Fonte: http://www.ojogo.pt/

segunda-feira, Outubro 20

Farense derrotado no Seixal numa fraca exibição


1 comentários
Benfica "B" 2-0 Farense


O Benfica B recebeu e venceu o Farense por 2-0, em jogo da 11.ª jornada da 2.ª Liga, resultado que permite às águias igualarem o líder Freamunde, com 22 pontos. Rui Fonte (16' e 51') bisou na partida e voltou a estar em grande destaque. O jovem avançado divide agora o topo da lista de melhores marcadores da prova com Bjorn, do Atlético, ambos com 9 golos.

No Centro de Estágio do Seixal, o jogo começou a ser disputado a um ritmo baixo, com muita luta a meio-campo, mas o Benfica B conseguiu assumir, gradualmente, o controlo das operações e, aos 16 minutos, chegou ao golo. Jogada de Hélder Costa pela direita, que entra na defensiva contrária e ganha a linha de fundo, cruzando rasteiro para Rui Fonte, que se limitou a encostar. Motivado com o golo, o Benfica B criou mais dois lances de perigo para a baliza da equipa algarvia. Primeiro foi Dolly Menga a rematar forte para defesa com as pernas de Ricardo e depois foi de novo Rui Fonte, desta vez a ganhar de cabeça, mas a o guarda-redes segurou.

O Farense procurava responder ao domínio dos "encarnados" e a sua melhor oportunidade foi já nos descontos da primeira parte, com o central Wei a cabecear com perigo depois de um canto batido por Hernâni. No início da segunda parte, o Benfica B ampliou a vantagem, aos 50 minutos. Hélder Costa volta a entrar pela direita a cruzar rasteiro para a área, o guarda-redes Ricardo ainda toca na bola, mas Rui Fonte, solto na área, aproveitou e bisou na partida, fazendo o seu nono golo no campeonato.

Apesar das alterações efetuadas pelo técnico Pedro Correia, que foi expulso no decorrer da segunda parte por protestos, o Farense não conseguia criar perigo, com o Benfica B a controlar a partida a seu belo prazer. Já com o Farense reduziu a nove elementos, devido às expulsões dos laterais Hugo Luz e Carlitos, o Benfica B desperdiçou uma grande penalidade aos 83 minutos. Rui Fonte foi chamado a apontar o castigo máximo, mas Ricardo conseguiu defender. Aos 88 minutos, foi Bruno Carvalho a tirar em cima da linha o terceiro do Benfica B, após remate de Carlos Sanches.

Jogo no Centro de Estágio do Seixal.

Benfica B - Farense, 2-0.

Ao intervalo: 1-0.

Marcadores: 1-0, Rui Fonte, 16 minutos. 2-0, Rui Fonte, 50'.

Equipas:

Benfica B: Bruno Varela, Nélson Semedo, Lindelof, João Nunes, Rebocho, Rúben Pinto (Renato Sanches, 74'), João Amorim, Hélder Costa (Victor Andrade, 80'), Nuno Santos, Dolly Menga (Dawidowicz, 56') e Rui Fonte.

Suplentes: Miguel Santos, Victor Andrade, Dawidowicz, Fábio Cardoso, Rochinha, Romário e Renato Sanches.

Treinador: Hélder Cristóvão.

Farense: Ricardo, Carlitos, Wei, Kiki, Hugo Luz, Carlos, Neca (Fábio Lopes, 60'), Gonzalez, Hernâni (Fábio Gomes, 56'), Adelaja e Harramiz (Bruno Carvalho, 66').

Suplentes: Bento, Fábio Gomes, Bilro, Bruno Carvalho, Ventosa, Fábio Lopes e Lameirão.

Treinador: Pedro Correia.

Árbitro: Luís Godinho (Évora).

Ação disciplinar: Cartão amarelo para Hugo Luz (25' e 76'), Nélson Semedo (32'), Dolly Menga (44'), Adelaja (65'), Carlitos (79' e 82') e Fábio Gomes (84'). Cartão vermelho por acumulação para Hugo Luz (76') e Carlitos (82').

Assistência: cerca de 1000 espectadores.

Fonte: http://www.record.xl.pt/

segunda-feira, Outubro 6

Farense B inicia a temporada a vencer!


1 comentários
1ª jornada 4/10/2014
Complexo desportivo da penha em Faro
Farense B 2-1 Odiáxere






Farense empata com Guimarães B


1 comentários
Farense e V. Guimarães B empataram este domingo (1-1), com um golo em cada metade, em encontro da 10.ª jornada da 2.ª Liga, marcado pelo equilíbrio e pelas boas exibições dos guarda-redes.

O nigeriano Adelaja colocou os algarvios em vantagem, aos 15 minutos, e Isaac empatou, aos 53', mas as grandes figuras da partida acabaram por ser Ricardo e Miguel Oliveira, que evitaram meia dúzia de golos com excelentes defesas. O Farense começou melhor e, depois de um livre direto de Bruno Carvalho que saiu às malhas laterais (sete minutos), adiantou-se no marcador à passagem do primeiro quarto de hora, com Adelaja a corresponder da melhor maneira a um cruzamento de Hugo Luz.

A resposta dos vimaranenses equilibrou o jogo, mas encontrou um obstáculo na prestação do guardião Ricardo, que evitou o empate em dois lances muito perigosos, criados por Ricardo Gomes (27') e Areias (29'). No início da segunda parte, aos 53 minutos, o Vitória de Guimarães B conseguiu o empate, por Isaac, e até esteve perto da reviravolta, três minutos depois, quando Lima Pereira proporcionou excelente defesa a Ricardo.

A igualdade e as substituições operadas pelo técnico Pedro Correia mudaram o rumo do jogo, com o Farense a assumir o domínio até final, em busca do golo da vitória, que só não chegou porque Miguel Oliveira foi decisivo na baliza vimaranense. Nas três melhores oportunidades algarvias, o guardião do Vitória evitou as tentativas de Fábio Gomes (68 minutos), Matthew (76') e Adelaja (84'). O Farense continua no sexto lugar, agora com 17 pontos, enquanto o conjunto de Guimarães segue no 18.º lugar, com nove pontos e um jogo por disputar.

Jogo no Estádio de São Luís, em Faro.

Farense - V. Guimarães B, 1-1.

Ao intervalo: 1-0.

Marcadores: 1-0, Adelaja, 15 minutos. 1-1, Isaac, 53'.

Equipas:

Farense: Ricardo, Carlitos, Diogo Silva, Wei Huang, Hugo Luz, Carlos, Bruno Carvalho (Harramiz, 57'), Neca (Bruno Gonzalez, 46'), Hernâni (Matthew, 64'), Adelaja e Fábio Gomes.

Suplentes: Bento, Bruno Gonzalez, Matthew, Kiki Ballack, Bilro, Edinho e Harramiz.

Treinador: Pedro Correia.

V. Guimarães B: Miguel Oliveira, Arrondel, Lima Pereira, Chemmam (Gilberto, 83'), Luís Rocha, Bruno Alves, João Pedro, Isaac (Vigário, 90'+3), Barrientos (Telmo, 78'), Ricardo Gomes e Areias.

Suplentes: Palha, Telmo, Vigário, Helinho, Xande Silva, Gilberto e Ká.

Treinador: Armando Evangelista.

Árbitro: André Narciso (Setúbal).

Ação disciplinar: Cartão amarelo para Hugo Luz (29'), Isaac (50'), Ricardo Gomes (60'), Carlitos (67') e Bruno Gonzalez (77').

Assistência: Cerca de 1.000 espectadores.

Fonte: http://www.record.xl.pt/

quarta-feira, Outubro 1

Vindos da capital para vencer


2 comentários
Olhanense 1-3 Farense

O Farense impôs esta quarta-feira uma derrota por três a um ao Olhanense na visita ao Estádio José Arcanjo, num derby algarvio em que os da casa marcaram bem cedo, mas não conseguiram evitar a reviravolta. Uma partida que, como se esperava, foi de emoções fortes e em que a equipa de arbitragem foi muito contestada, pelos da casa.
O primeiro golo da partida aconteceu logo aos 3 minutos. Buval marcou para o Olhanense e deu o mote para um jogo que havia de ter muito mais golos.
Os da casa começaram muito bem, mas depressa se viram em apuros. Aos 17 minutos, o árbitro assinalou penálti contra o Olhanense e mostrou o segundo cartão amarelo a Diakhite (tinha visto o pirmeiro quatro minutos antes), por ter considerado que jogou a bola com a mão. Neca não perdoou e empatou a partida.
A reviravolta foi consumada, pouco depois, por Adelaja, que colocou os visitantes em vantagem a partir do minuto 29. Até ao final da primeira parte, o dois a um manteve-se, mas o Farense conseguiu ampliar a vantagem ao minuto 70, novamente por Neca e novamente de penálti.
Desta vez, o árbitro Bruno Paixão considerou que Tiago Maia derrubou Fábio Gomes e apontou para a marca dos nove metros, pela segunda vez no jogo.
Em Olhão, acabou por acontecer o jogo de emoções que se esperava, dentro e fora das quatro linhas, com o regresso de um derby algarvio que é marcado pela rivalidade histórica entre Faro e Olhão, que se reflete no futebol. As incidências do jogo motivaram, mesmo, alguns desacatos nas bancadas entre os adeptos da casa e a polícia.
Com este resultado, o Farense sobe à sexta posição da II Liga, com 16 pontos e o Olhanense desceu à décima posição.
Jogo no Estádio José Arcanjo, em Olhão

Olhanense-Farense, 1-3

Ao intervalo: 1-2

Marcadores: 1-0, Buval, 3 minutos. 1-1, Neca, 18'. 1-2, Adelaja, 28'. 1-3, Neca, 70' (grande penalidade)

- Olhanense: Tiago Maia, Duarte Machado (Murilo, 28'), Ubay Luzardo, Diakhite, Pedrelli, Semedo, Diogo Melo, Rodrigo António, Celestino (Vítor Bastos, 46'), Bazzoffia (Femi Balogun, 70') e Buval

Suplentes: Svedkauskas, Vítor Bastos, Giraldo, Weldon, Murilo, Rui Duarte e Balogun)

Treinador: António Conceição

- Farense: Ricardo, Carlitos, Diogo Silva, Wei Huang, Hugo Luz, Carlos, Bruno Carvalho (Bruno Gonzalez, 59'), Neca (Matthew, 77'), Hernâni, Adelaja e Fábio Gomes (Edinho, 83')

Suplentes: Bento, Bruno Gonzalez, Matthew, Kiki Ballack, Bilro, Edinho e Hugo Ventosa

Treinador: Pedro Correia

Árbitro: Bruno Paixão (Setúbal)

Ação disciplinar: Cartão amarelo para Diakhite (13' e 17'), Duarte Machado (21'), Celestino (28'), Adelaja (38'), Carlos (45'+2), Tiago Maia (68'), Diogo Melo (79') e Carlitos (84'). Cartão vermelho por acumulação de amarelos para Diakhite (17')

Assistência: Cerca de 3.000 espetadores.

Fonte: http://www.sulinformacao.pt/

domingo, Setembro 28

Farense fora da taça de Portugal!


2 comentários
Oriental 3-2 Farense 
(após prolongamento) 
Resultado aos 90' 
2-2
O Oriental recebeu e venceu este domingo o Farense por 3-2, após prolongamento, qualificando-se para a terceira eliminatória da Taça de Portugal.

Depois da igualdade 2-2 no final do tempo regulamentar, um golo de Daniel Almeida, no quarto minuto do prolongamento, deu ao Oriental a última vantagem no encontro e a possibilidade de seguir em frente na prova.

Os comandados de João Barbosa até começaram melhor o encontro, com um cabeceamento de Leonel que obrigou o guarda-redes Bento a aplicar-se, contudo, foram os forasteiros que inauguraram o marcador, aos 14 minutos, através de Adelaja.

O Oriental reagiu e chegou ao golo por intermédio de Henrique, que aproveitou da melhor forma uma defesa incompleta de Bento para fazer o 1-1, aos 37, resultado que se manteve até ao final do primeiro tempo.

A segunda parte começou praticamente com mais um golo do Oriental, desta feita marcado pelo capitão Daniel Almeida, que, aos 49 minutos, na sequência de um canto batido por Pedro Alves, surgiu ao segundo poste e encostou para o fundo da baliza dos algarvios, operando a reviravolta no marcador.

O Farense, aos 60, restabeleceu a igualdade através de um livre direto batido de forma exemplar por Neca, jogador que tinha entrado na partida três minutos antes.

Até ao fim da segunda parte, o Farense ficou reduzido a 10 jogadores, devido à expulsão de Harramiz por acumulação de amarelos, aos 87 minutos.

Com o resultado em 2-2, a decisão ficou adiada para o prolongamento e, nos 30 minutos adicionais, a equipa da casa fixou o resultado em 3-2, seguindo em frente na Taça de Portugal através de um golo de Daniel Almeida, na transformação de uma grande penalidade, a castigar mão da defesa Kiki.

Jogo no Campo Engenheiro Carlos Salema, em Lisboa.

Oriental-Farense, 3-2 (após prolongamento).

Ao intervalo: 1-1.

No final do tempo regulamentar: 2-2

No final da primeira parte do prolongamento: 3-2

Marcador: 0-1, Adelaja, 14 minutos. 1-1, Henrique, 37. 2-1, Daniel Almeida, 49. 2-2, Neca, 60. 3-2, Daniel Almeida, 94.

- Oriental: Mota, Hugo Grilo, Daniel Almeida, Yago (Tiago Rosa, 76), João Pedro, Tiago Mota, Tom, Miguel Paixão (Roncatto), Pedro Alves (Córdoba, 70), Henrique e Leonel.

Suplentes: Mota, Seidi, Valdo, Roncatto, Tiago Rosa, Mauro Bastos e Córdoba

Treinador: João Barbosa.

- Farense: Bento, Carlitos, Kiki, Wei, Ventosa, Bilro, Bruno Carvalho, Hernâni (Fábio Gomes, 71), Matthew (Neca, 57), Adelaja e Edinho (Harramiz, 57).

Suplentes: Ricardo, Diogo Silva, Hugo Luz, Fábio Gomes, Neca, Carlos e Harramiz

Treinador: Pedro Correia.

Árbitro: Fábio Veríssimo (Leiria).

Ação disciplinar: Cartão amarelo para Matthew (11), Yago (16), Carlitos (51), Hernani (54), Neca (58), Harramiz (77 e 87), Tiago Mota (90+5) e Kiki (92). Cartão vermelho por acumulação de amarelos para Harramiz (87) e direto para Bruno Carvalho (108).

Assistência: Cerca de 500 espectadores

Fonte: http://www.record.xl.pt/

domingo, Setembro 21

Farense vence o dérbi!


1 comentários
Farense 1-0 Portimonense
O Farense venceu este domingo o Portimonense pela margem mínima (1-0), com um golo de grande penalidade assinado por Neca, aos 71 minutos, que decidiu o duelo algarvio, da oitava jornada da 2.ª Liga. Depois de uma primeira parte com "sinal mais" da equipa de Portimão, o conjunto da capital algarvia "acordou" na segunda metade e justificou o triunfo, que o aproxima dos lugares cimeiros da tabela. 

 O Farense, que somou o quarto triunfo da época - todos por 1-0 -, subiu ao sétimo posto da classificação, com 13 pontos, os mesmos do Tondela, enquanto o Portimonense segue no 15.º lugar, com nove pontos. Sem vencer em Faro desde 1978, o Portimonense entrou melhor, criando as principais ocasiões da primeira parte, ambas pelo central Maurício, em incursões perigosas ao ataque (19 e 42 minutos).

 O Farense, que no primeiro tempo nem sequer rematou à baliza dos "alvinegros", surgiu transfigurado para a segunda metade, disposição reforçada pela aposta de Pedro Correia nos suplentes Matthew e Bruno Carvalho. O domínio dos locais resultou numa série de oportunidades, com Matthew a atirar ao poste a dois metros da baliza (54 minutos) e Neca a cruzar de forma disparatada, com dois colegas em boa posição (56'). O golo do triunfo chegou aos 71 minutos, com Neca a converter uma grande penalidade a punir falta de Mamadu sobre Bruno Carvalho, mas o Farense manteve-se "por cima" e, aos 74', Fábio Gomes, isolado, desperdiçou incrivelmente o segundo. Um remate de Zambujo que passou perto do poste (77 minutos) foi a única jogada de perigo do Portimonense na segunda parte, terminando o jogo com 10 jogadores, por expulsão de Mamadu (90'). 

Farense - Portimonense, 1-0
Jogo no Estádio de São Luís, em Faro. 
Ao intervalo: 0-0. Marcador: 1-0, Neca, 71 minutos (grande penalidade)

Equipas: Farense: Ricardo, Carlitos, Diogo Silva, Wei Huang, Hugo Luz, Carlos, Bruno Gonzalez (Matthew, 53'), Neca (Kiki Ballack, 83'), Hernâni (Bruno Carvalho, 68'), Fábio Gomes e Harramiz. (Suplentes: Bento, Matthew, Kiki Ballack, Márcio Madeira, Bilro, Edinho e Bruno Carvalho). Treinador: Pedro Correia. - Portimonense: Ricardo Ferreira, Ricardo Pessoa, Ivo Nicolau, Maurício, Mamadu, Marakis (Bata, 75'), Ewerton, Rafinha (Fernandinho, 60'), Fabrício (Zambujo, 75'), Kanazaki e Fidélis. (Suplentes: Carlos Henriques, Theo, Bata, Zambujo, Fernandinho, João Paulo e Adelino). 

Treinador: Vítor Maçãs. Árbitro: Pedro Proença (Lisboa). Ação disciplinar: Cartão amarelo para Maurício (53'), Harramiz (66'), Mamadu (69' e 90'), Zambujo (79') e Ricardo (87'). Cartão vermelho por acumulação de amarelos para Mamadu (90'). 

Cerca de 1500 espetadores

 Fonte: http://www.record.xl.pt

sexta-feira, Setembro 19

O ínicio de uma nova etapa (Editado)


0 comentários
A Equipa de SUB23 do Sporting Clube Farense fará a sua estreia no Torneio da cidade de Faro já amanhã no Campo da Penha contra o FC 11 Esperanças.
SC FARENSE (sub23) X FC 11 ESPERANÇAS

SÁBADO//20SET2014//17H//CAMPO DA PENHA

Resultado Final

SC FARENSE (sub23) 3X1 FC 11 ESPERANÇAS
 

Copyright 2009 All Rights Reserved Blog Leões de Faro optimizado para 1280 x 768 px