domingo, maio 8

Celsinho mantém chama acesa!


1 comentários

45ª Jornada
Farense 2-1 D. Aves

Um livre direto de Celsinho, aos 90 minutos, deu este domingo a vitória ao Farense na receção ao Desportivo das Aves, por 2-1, em jogo da 45.ª jornada da 2.ª Liga, deixando os algarvios a sonhar com a manutenção.

Depois de Irobiso, aos 2 minutos, e André Dias, aos 18, terem levado o jogo em igualdade para o intervalo, a equipa algarvia acabou por festejar um triunfo suado graças ao tento do jovem lateral-esquerdo formado no Farense.

A vitória deixa o Farense no 21.º lugar, com 51 pontos, à partida para a última jornada, precisando de vencer o Gil Vicente e esperar por resultados negativos de adversários diretos para poder assegurar a permanência, enquanto o Desportivo das Aves ocupa o sétimo lugar, com 66.



O Farense entrou da melhor maneira, ao inaugurar o marcador logo no segundo minuto, quando Femi Balogun rompeu pela defensiva avense, rematou para defesa de Quim e Irobiso, na recarga, cabeceou para golo.

Os forasteiros responderam e chegaram à igualdade ao minuto 18, com um remate forte com o pé esquerdo de André Dias, em posição frontal, à entrada da área, na sequência de um livre atrasado de Pedró.

Apesar do equilíbrio no jogo, o Farense desperdiçou as melhores ocasiões no último quarto de hora da primeira metade, nomeadamente por Harramiz, que permitiu a defesa de Quim (35) na 'cara' do guarda-redes, e André Afonso, num remate de meia distância ao lado (40).

A segunda parte teve um início repartido e sem emoção e só 'aqueceu' com um 'tiro' de Irobiso à barra, aos 73 minutos, lance que espoletou uma forte 'ponta' final de jogo para os locais, remetendo os avenses para a sua grande área.

Quim ainda evitou o golo com duas defesas de grande qualidade, nos remates de Irobiso (82) e Rambé (88), mas não conseguiu parar o livre direto assinado por Celsinho, 'em cima' do minuto 90, efusivamente celebrado pelas centenas de adeptos presentes.

Jogo no Estádio de São Luís, em Faro.

Farense-Aves, 2-1.

Ao intervalo: 1-1.

Marcadores:

1-0, Irobiso, 02 minutos.

1-1, André Dias, 18.

2-1, Celsinho, 90.


Farense: São Bento, Hugo Ventosa, Roni, Delmiro, Celsinho, Coulibaly, Bilro (Osama Rashid, 58), André Afonso (Rambé, 58), Femi Balogun (Bruno Carvalho, 76), Harramiz e Irobiso.

(Suplentes: Ricardo, Osama Rashid, Felipe Barros, Márcio Sousa, Rambé, Sunday e Bruno Carvalho).

Treinador: Antero Afonso.

Desportivo das Aves: Quim, Chico Gomes, Romaric, Emmanuel, André Dias, Ericson, Tarcísio (Dmytro, 90+2), Pedró, Alexandre Guedes, Renato Reis (Felipe Martins, 68) e Diallo (Zé Valente, 62).

(Suplentes: Diogo Freire, Dmytro, Felipe Martins, Zé Valente, Joel, Serhii e Anas Alaji).

Treinador: Ulisses Morais.

Árbitro: Cosme Machado (Braga).

Ação disciplinar: Cartão amarelo para Delmiro (17), Renato Reis (50), Hugo Ventosa (52), Tarcísio (89) e Celsinho (90+1).

Assistência: Cerca de 800 espetadores.

Comments

1 comments to "Celsinho mantém chama acesa!"

ADEPTO disse...
12:32 da manhã

Parabéns ao Prof Antero,equipa técnica e jogadores,que mostraram a verdadeira "raça" deste clube-nunca desistir- não há campeões sem trabalho e embora já tenhamos sido condenados por alguns à descida da divisão,eis-nos a deixá-los em suspense até sábado e aí basta só fazer igual a hoje...e esperar alguma boa estrelinha.Hoje foi o jogo mais difícil da época contra um adversário que parecia não querer descer de divisão e contra um jogador que já defendeu as cores da pátria e que foi o melhor e pior em campo....melhor porque defendeu tudo o que era defensável, quase indefensável e pior porque não fez jus ao seu passado da selecção ao não ter o fair play de tirar uma bola a mais em campo indo fazer queixinhas ao árbitro e sentir se incomodado por uma claque que nem um décimo é das claques dos grandes contra os quais já jogou e ainda por cima é reincidente no sorriso provocatório duma pseudo-superioridade para com um clube que se entrega de alma e coração nos noventa minutos da partida,mas tão somente.No próximo sábado cá estaremos para o que der e vier-não vale a pena chorar o leite derramado,mas o jogo de chaves e o de hoje provaram que nem sequer o clube novoprimodivisionário é superior a nós e mais uma vez o nosso poeta Aleixo nos lembra que as horas amargas costumam dar lições de filosofia.VAMOS GANHAR O CAMPEONATO DE PORTUGAL NO PRÓXIMO JOGO....Farense à Vitória!!!! Farense Sempre!!!!!!!!!!!!

 

Copyright 2009 All Rights Reserved Blog Leões de Faro optimizado para 1280 x 768 px