domingo, setembro 19

Farense apura-se para a 3ª eliminatória nas grandes penalidades


6 comentários
O Farense disputou esta tarde a 2ª eliminatória da taça de Portugal, tendo-se deslocado ao distrito de Leiria mais precisamente a Santa Catarina da Serra para defrontar o União da Serra.

Num jogo que se previa que fosse equilibrado, este iniciou-se com uma fase de estudo mútuo que durou cerca de 20 minutos, sem que as equipas conseguissem criar lances de perigo. À passagem dos 22 minutos, Mamadou, subiu à área adversária e cabecou, para que sobre a linha de golo, o defesa Parracho conseguisse evitar o golo. Mamadou voltaria a incomodar a defesa contrária pouco depois mas sem conseguir atirar à baliza contrária. Aos 26 minutos, era a resposta dos homens da casa, Bruno Matias, rematava colocado e Serrão desviava para canto. Na sequência do lance de novo o mesmo jogador a atirar para uma grande defesa do guardião farense. No minuto seguinte surgia o golo dos locais, cruzamento do lado direito do ataque serrano e a aparecer Marco Aurélio, dentro da pequena área, a desviar para as malhas das redes farenses. O Farense ainda tentou a reacção na primeira parte mas chegaríamos ao intervalo com o 1 a 0 favorável aos locais.

A segunda parte iniciou-se com o Farense mais forte e a tentar a igualdade. Davide Justo, lançado ao intervalo para o lugar de Zambujo, aos 53 minutos de jogo, aproveitou um passe efectuado para as costas da defesa do União, isolado fez um chapéu ao guarda-redes dos anfitriões, empatando o jogo. Aos 58 minutos, em resposta a cruzamento de Davide Justo, Barão cabeceou para uma grande defesa guardião do União. Logo de seguida foi Kéu a desperdiçar uma boa oportunidade, isolado pelo lado esquerdo rematou por cima da trave da baliza. A equipa da casa tentou contrariar a fase de maior domínio dos alvinegros, e Bruno Matias, o jovem formado no Sporting e empretado pelo Estoril, remataria forte por cima da baliza à guarda de Serrão. Pouco depois era a vez de Nélson Sousa colocar Serrão à prova num bom remate a que o guarda-redes do Farense se opôs bem. Já no 3º minuto dos descontos, Adérito cabecearia para mais uma grande defesa do guardião da casa. Chegaríamos aos final dos 90 minutos com uma igualdade justa, ambas as equipas tinham tido oportunidades suficientes para evitar o prolongamento, tal não aconteceu e foi necessário recorrer a tempo extra.

Manteve-se o equilíbrio durante a primeira parte do prolongamento, algo que se alterou na etapa final após a lesão de André Calado, ficando o Farense reduzido a 10 unidades e aproveitando a equipa da casa para carregar nos minutos finais. O atleta teve de ser transportado ao hospital após o final do prolongamento para averiguar a causa da lesão.

Grandes penalidades

1-0 (UDSERRA)/1-1 (CANNIGIA)
1-1 (UDSERRA)/1-2 (BARÃO)
2-2 (UDSERRA)/2-3 (BRUNO CARVALHO)
3-3 (UDSERRA)/3-4 (MAMADOU)
4-4 (UDSERRA)/4-5 (TIAGO SOUSA)

O Farense garante assim o apuramento para a 3ª eliminatória da taça de Portugal tendo conseguido converter as 5 grandes penalidades contra as 4 da equipa da União Desportiva da Serra, Serrão conseguiu defender a 2ª penalidade dos locais.

Comments

6 comments to "Farense apura-se para a 3ª eliminatória nas grandes penalidades"

sloml disse...
7:16 da tarde

Grande Farense, que conseguiu o apuramento com muito sofrimento mas acima de tudo muita humildade e coração. A equipa não joga nada mal e pode chegar longe esta época tanto na Taça como no campeonato. Agora venha de lá uma equipa da III para chegarmos o mais longe possível.

Valério disse...
7:31 da tarde

Estamos a começar muito bem a época...
Sinceramente, gostava q o farense jogasse com uma equipa da 3ª div, de preferência em casa.
Depois, sim, Benfica em casa seria uma receita importante.
Tenhamos fé nesta equipa, há muito campeonato pela frente, no final faz-se as contas.

FORÇA FARENSE!

Jorge Esberard disse...
7:54 da tarde

A nossa equipa deu-nos este presente, estamos todos de parabéns!Obrigado a toda a rapaziada por nos dárem esta alegria!Um abraço muito especial para o DAVID JUSTO!
Jorge Esberard

rodriguesdidier disse...
9:55 da manhã

Como eu dizia no comentario das apostas;com calma e humildade la estaremos,e assim foi;o Farense qualificou-se.Parabéns aos Jogadores e equipa tecnica assim como ao Barao que com as dificuldades consegue construir.

Fernando disse...
4:49 da tarde

Jogo sofrido, mesmo para quem não esteve presente.
Felizmente marcámos mais um penalti do que os nossos adversários.
Isso pode valer-nos uma próxima eliminatória com um dos ditos grandes e dar-nos uma receita satisfatória.
O locutor da Fóia foi uma nódoa autêntica, além do " Sporte Farense", devem ter reparado que parece que tinha vergonha de dizer que as grandes penalidades tinham entrado...
Já agora, amigo João, atrevo-me a sugerir-lhe colocar aqui no blog uma sondagem para a malta poder votar no clube desejado para a 3ª eliminatória e se preferem o jogo em casa ou fora, se isso não for um trabalho muito complexo, claro, e que lhe possa roubar tempo útil.
A votação poderia fechar na véspera do sorteio.
O pior será talvez evitar os votos repetidos...
O blog está cada vez melhor e dou-lhe os parabéns por isso.
Vou amanhã para Lagos e conto passar por Faro na sexta-feira, embora por pouco tempo.
Domingo já aqui estarei para o jogo dos Açores.

Diego disse...
2:16 da tarde

Pela crónica colocada aqui no site, o Farense esteve bem ao dar a volta ao resultado. Muito bem o Farense na marcação de penaltis, a mostrar grande maturidade e grande espírito.

 

Copyright 2009 All Rights Reserved Blog Leões de Faro optimizado para 1280 x 768 px