domingo, janeiro 4

Atleta do Farense à espera de operação há 15 dias!


19 comentários
O guarda-redes do Farense, Nuno Lima (Kula) encontra-se internado no Hospital de Faro à cerca de 15 dias. Kula terá se lesionado no decorrer de um treino tendo fracturado uma perna. Recorreu aos serviços do Hospital na noite de dia 23 de Dezembro e terá sido informado após avaliação clínica que iria de ser submetido a uma cirurgia .

Nessa mesma altura um director do clube terá informado familiares do atleta que iria tratar de accionar o seguro.

Passou-se uma semana sem que o atleta tenha tido qualquer informação médica sobre a data da sua operação. Após essa semana o atleta exigiu falar com um médico tendo-lhe este lhe informado que não sabia quando iria ser operado.
Um familiar perante tal situação terá então pedido para falar ele próprio com o médico, e foi-lhe dito o mesmo, que não sabia quando iria ser operado, que competia ao seguro transferir o jogador para outra instituição médica.

Entretanto e perante tal situação terá sido marcada a cirurgia no dia 2 de Janeiro, sexta-feira passada, no entanto perto da hora da cirurgia, o anestesista não terá tido disponibilidade para estar presente. Os familiares procuraram-se informar sobre nova data em que poderia ser o atleta operado, e parece que só na próxima sexta-feira haverá tal disponibilidade.

Pergunto eu então qual o papel da direcção do clube no meio disto tudo, sendo que ao accionar o seguro o atleta deveria ter sido transferido num curto espaço de tempo para outra instituição médica para proceder a cirurgia. A direcção terá recomendado calma e paciência ao atleta durante este período, mas no meu entender calma não resolve a lesão do atleta. Fiquemos por aqui...

Comments

19 comments to "Atleta do Farense à espera de operação há 15 dias!"

arsenio disse...
2:39 da tarde

Sou de Faro,mas vivo em França ja ha muitos anos aqui neste Pais qualquer pessoa mesmo que nao tenha nada,è primeiro tratada è um principio de cidadao.os medicos deviam ter vergonha,mas o interesse pelo dinheiro è para eles mais importante esses medicos ai nao devem ter feito o sermao de hipocratico.mas da parte do farense tambem nao estao sendo correctos.

Anónimo disse...
6:55 da tarde

A Direcção tem de agir e de informar os sócios do que se está a passar.
Eles são os responsáveis pela falta de assistência ao jogador.
Algo não está bem nesta história e quem paga é o atleta.
Não me lembro de um caso como este, nos muitos anos que tenho de sócio, o que só mancha a dignidade farense.

F. Neves

Anónimo disse...
7:29 da tarde

Já nos juniores, este ano aconteceu "quase a mesma coisa com um atleta Luis Cavaco que se lesionou no jogo da 2ª jornad com o Estoril vindo para Faro e só passados 2 dias é que se lembrarm ir ao hospital com o miudo,
Diagnóstico: pé partido e tinha que ser operado.
Segundo se ouviu falar, o atleta júnior só foi operado 4 ou cinco dias depois e tiveram que entrar com uma quantia antecipada (?) para se realizar na clinica Santa Maria e que essa quantia foi retirada da venda dos cartões que se venderam no inicio da época para colmatar algumas despesas ao lonogo do campeonato.
Atenção Srs. da Direcção, se não há dinheiro para umas sandes nem para mandarem arranjar as máquinas de lavar roupa e outras coisa mais, é uma coisa, agora não terem seguros para cobriram este tipo de lesões, então aí o caso muda de figura.

Mais, o meu filho é atleta (Júnior) e vou ser eu a inteirar da situação e exigir esclarecimentos junto da direcção...

ARSENIO disse...
8:10 da tarde

Alguem é capaz de me explicar se um jogador quando assina uma liçença de jogador,esta mesmo nao protege o jogador em caso de lesao?Aqui em França o jogador fica assegurado automaticamente, seguidamente é a segurança social que lhe vai pagar o tempo que estiver com baixa,isto no caso de ser amador.No caso de ser profissional entao é o clube que lhe paga o salario.Mas acho REPUGNANTE a atitude do HOSPITAL DE FARO.Antes de mais é da ordem de Humanismo tratar dos pacientes.Sou farense,vivo em França mas o meu coraçao esta ai.

Anónimo disse...
8:42 da tarde

Um atleta quando é inscrito na Associação,automaticamente fica protegido por o seguro da associação, no meu entender o que se passa é que estão à espera que o seguro seja accionado o que em algumas situações leva algum tempo,é uma vergonha autêntica mas é a realidade!

Pedro G.

Acetuga disse...
10:21 da tarde

É realmente lamentavel tal situação,mas a realidade é dura e crua,alguem que pratica um desporto por paixão e pela qual fica sujeito a lesoes graves não pode ficar feito espantalho numa cama de um hospital com um OSSO da perna partido há espera que o pai natal chegue,ou ja se esqueceram que o pai natal so se vem uma vez por ano?... Talvez seja este o lema da direcção ou do proprio seguro.O mais provavel é não haver dinheiro...Meus amigos quem não tem dinheiro não tem vícios,não sei o que fazem estas equipas nas tabelas,pois os dirigentes aparentam ser frios e egoistas,ou ja se esqueceram que o rapaz acabou por passar o natal e fim de ano numa cama do hospital...lamentavel e vergonhoso,para quem tem vergonha claro.
Espero que consigam descansar,mas da mesma forma que o Kula,com gesso...mas não na perna.

Ps:Mensagem de um verdadeiro amigo

Anónimo disse...
11:03 da manhã

Esta noticia deveria ser enviada para um jornal a fim de terem vergonha, tanto a Direcção do Farense, Associação de Futebol do Algarve e ainda o Hospital Distrital de Faro...

Anónimo disse...
2:02 da tarde

Pelo que se sabe, o seguro só foi accionado no dia 29 de Dezembro, sendo que o jogador se lesionou no passado, ou seja uma practicamente uma semana após o incidente do jogador Kula no treino.

Anónimo disse...
2:33 da tarde

O hospital de Faro também tem culpas no cartório, senão vejamos, quando um cidadão comum cai na rua parte um braço ou uma perna com alguma gravidade, fica inconciente e sem documentos, por exemplo e é levado para o hospital este cidadão por acaso tem algum seguro?? e no entanto se precisar de ser operado é no imediato e um jogador de futebol, só por ser jogador e porventura tem um seguro, o hospital não avança com a operação porque o seguro não é accionado?

Este jogador não é profissional e penso que trabalha, logo faz descontos para ter ASSISTÊNCIA MÉDICA e isto não conta para ser operado???

ENFIM, ISTO SÓ EM PAÍSES DE TERCEIRO MUNDO!!!!!!!!!!!!!!!!!!

TENHAM É VERGONHA!!!!!!!!!!!

Anónimo disse...
11:36 da tarde

Boa Noite

Para que os senhores tenham conhecimento antes de falar passo a informar o seguinte;
1º o atleta teve o sinistro no dia 23 à noite.
2º dia 24 e 25 por razões obvias a seguradora esteve encerrada
3º no dia 26 também porque neste pais toda a gente gosta de trabalhar
4º dia 27 e 28 também a seguradora esteve encerrada por ser fim de semana.
Portanto só era possivel entregar a participação no dia 29 conforme efectuada.

Para que fiquem esclarecidos a direcção tem feito tudo o wue está ao seu alcance.

Já agora aproveito para vos lembrar que este sitio deverá ser também para transmitir ideias positivas e não estarem sempre a criticar

boa noite e bom ano para todos e aproveitem para praticar o bem

Anónimo disse...
9:24 da manhã

o atleta foi operado no dia 5 de janeiro após uma longa espera mas correu tudo bem.......força kula

Anónimo disse...
9:41 da manhã

Ao anónimo das 11:36

Julgo pertencer à direcção do Farense e como tal, só lhe faço uma pergunta: - e se fosse o seu filho a estar nesta situação ?
De certeza que imediatamente iria mexer os cordelinhos e por portas e travessas "CUNHAS" ía ter com alguem da Administração do Hospital para que o seu filho fosse operado e só logo depois é que se entregava a participação ao seguro.

Meu caro, isso da seguradora estar encerrada neste período natalicio é só TRETA E DESCULPA ESFARRAPADA, arranjem seguradoras que tenham "CALL CENTER" para estes assuntos urgentes sejam resolvidos na hora e sem burocracias mesmo em feriados ou domingos...

Bom ano novo para todos!

Anónimo disse...
12:06 da tarde

11:36 ...fique sabendo ( de certeza que sabe) que a seguradora esteve aberto no dia 24 durante toda a amanha, nao venha para aqui justificar-se do erro cometido ( grave)

arsenio disse...
12:15 da tarde

amigo anonimo das 11.36 voçe apresenta as explicaçoes sobre a lesao do KULA,eu li com atençao e depois de reflexao,vou responder-lhe.Ojogador lesiona-se no dia 23,e so é operado no dia 5 de Janeiro,eu penso que a direccao do farense e em particular o presidente devia ter tomado a decisao de dar o aval ao hospital para que ele (o atleta)fosse operado de urgencia e seguidamente ele trataria do assunto.Esta era a atitude que eu tomaria.Chamo isto um acto responsavel.quero tambem que leia os comentarios que faço neste blog,tenho a certeza que ate hoje nao encontrou uma unica reflexao a dizer mal de quem quer que seja.joguei no Farense de 1970 ate 1974.Ja tenho uma certa idade e experiencia do futebol,tenho um diploma da federaçao francesa de futebol e trabalhei no centro de formaçao do f.c.de metz durante seis anos.pedi a demissao,por motivos pessoais.Sei quanto é dificil a profissao de treinador,sobretudo que em cada espectador esta um treinador e forçosamente nao agradamos a todos.tentei ser o mais objectivo possivel.Continuem a apoiar o FARENSEcomo eu faço daqui de França. OBRIGADO pela atençao.

Anónimo disse...
2:09 da tarde

resumindo e concluindo quem se lixa é o atleta.

Anónimo disse...
4:30 da tarde

vou deixar aqui uma nota,infelizmente nao gosto de criticar a b ou c,nem vou dizer que a direcçao teve culpa no caso do kula,que muito provavelmente nao teve...
é assim,no dia que o kula se lesionou a direcçao só pode accionar o seguro no dia 29 ,visto que a companhia estava fechada,nesse aspecto nao há muito a dizer,em relaçao depois á demora é simples,os medicos que trabalham para as seguradoras só veem as carteiras deles e a vida deles e estao se a borrifar para este ou aquele que precise,falo por experiencia propria,mas mais infelizmente ainda digo,ainda mesmo assim o kula nao teve de esperar muito para ser operado,sei de casos existentes há uns anos atrás em que amigos meus só foram operados passado 1 mes depois de terem entrado no hospital....
conclusao:se há culpa aqui essa é dos medicos e da companhia de seguros,isso vos garanto e volto a dizer ,porque falo por experiencia propria,acreditem ou nao ,essa é a verdade,penso que a direcçao nao tem culpa no cartorio...
bem haja a todos os farenses,em especial ao kula que nao merecia tudo o que se passou agora,força miudo....

Anónimo disse...
10:59 da tarde

anonimo das 4:30 .... a direcçao pode nao ter culpa ...mas a seguradora teve aberta de manha no dia 24 e alem disso poderiam ter feito a participaçao atraves call center ... o atraso disto tudo foi devido a seguradora pedir uma declaraçao que o hospital negava de passar ... custava mto falar com esse dr. gomes , visto que ele faz parte la no hospital .... o que vejo é mta falta de vontade e de acompanhamento do atleta

Anónimo disse...
9:25 da manhã

EM REPOSTA AO ANONIMO DAS 10.59
nao digo que nao houve falta de acompanhamento para com o atleta,o que sei e foi o que se passou comigo é que o hospital na minha altura só passava o tal documento quando saiamos do hospital,muito provavelmente a lei pode ter mudado.

Anónimo disse...
12:18 da tarde

9:25 ... a declaraçao que o atleta precisava era como o hospital nao o podia operar ... visto que era essa a justificaçao do hospital ... ele teve lá 15 dias devido a essa declaraçao nao ter sido logo passada. Enfim.. o que interessa é que o atleta ja foi operado na clinica santa maria e ja se encontra em casa.

 

Copyright 2009 All Rights Reserved Blog Leões de Faro optimizado para 1280 x 768 px